A Reaçonaria para mim

Depois de um dia agitado por causa da reportagem da Folha contra nosso amigo Fernando Gouveia, decidi escrever algo sobre o site Reaçonaria.

Os outros donos do site já contribuíram com textos excelentes respondendo os absurdos e as insinuações ridículas feitas pelos jornas. Ângelo escreveu Sobre Aquela Reportagem e Leonardo escreveu Rapidinha.

Eu comecei a escrever algo sobre a data, mas o dia de ontem me tirou de foco. Mesmo assim, não quero deixar a oportunidade passar.

Há dois anos decidimos agir contra a ideologia petista na internet. Naquela época o twitter era dominado pela opinião esquerdista e eles falavam sem serem confrontados. E se só há uma opinião corrente, ela se torna a verdadeira.

O nome do site já evidenciava a clareza de posições e a rejeição à pauta petista. Os famosos debates em que todos concordavam com a narrativa de esquerda eram o padrão. A Reaçonaria surgiu para mostrar a verdadeira oposição de ideias, o verdadeiro confronto na guerra política.

E é realmente uma guerra. Não decidi participar do site para fazer amigos de esquerda ou para ficar bem cotado nos meios cool da meninada do DCE. Mas sim para bater de frente com os jornalistas que fingem ser isentos e equilibrados, mas na verdade votam 13, ou 50, em toda eleição. Além disso, fazer oposição real ao petismo, inclusive ao pressionar alguns frouxos do PSDB para agirem de verdade.

Alcançamos algum destaque quando questionamos declarações do deputado Jean Willys. Ele respondeu nosso texto e isso gerou uma grande movimentação no meio político na internet. Ficou claro que o site criticaria expoentes socialistas da mídia e da política.

A derrota de Aécio Neves na eleição de 2014 foi um momento difícil. Foram semanas comentando, agitando e fazendo campanha contra o PT. Tentamos de tudo para mobilizar os nossos seguidores, mas a realidade sempre vence: somos limitados, a internet não representa o Brasil real e nossas ações não alcançam tantas pessoas quanto gostaríamos.

Mas após isso começaram os protestos contra o governo Dilma. Escândalos intermináveis marcaram o final do mandato anterior e marcam o atual. Muitos brasileiros foram às ruas para mostrar indignação. Com isso, os jornais e sites imparciais e seus jornalistas totalmente isentos cobriram essas manifestações da melhor maneira: selecionando a mesma pessoa que defendia intervenção militar para criar a narrativa de que todos ali eram golpistas e que suas críticas deveriam ser ignoradas ou tratadas como golpistas.

Foi aí que a Reaçonaria despontou e alcançou destaque nacional ao denunciar as verdadeiras intenções desses jornalistas esquerdistas. Alguns dos seus companheiros de profissão nos acusaram de fazer patrulha, deputado tucano quis investigar o site, a própria Folha respondeu e a Abraji condenou nosso post. Óbvio, ninguém falou da questão em si: jornalistas de esquerda utilizando a isenção e imparcialidade da imprensa para criar uma narrativa premeditada a favor do PT e contra qualquer atividade real de oposição.

Todas coberturas dos protestos foram avaliadas e criticadas pelo site. E é até possível notar uma ligeira melhora nas últimas, apesar de um ou outro falar que “o povo pedia reforma política”.

Agora existem pessoas dispostas a expor as narrativas esquerdistas entranhadas no debate público.

Agora existem pessoas dispostas a enfrentar o esquerdismo disfarçado no jornalismo brasileiro.

Por causa dessas ações eu tenho orgulho de participar desse projeto.

Isso é fazer política na internet, o resto é querer se fingir de culto e isento para seus amigos do twitter.

Revisado por Maíra Adorno @mairamadorno

Loading...

8 comentários para “A Reaçonaria para mim

  1. person achbald

    Estou com voces. Vou repassar o que escrevi:

    O melhor lugar é o lugar onde EU SOU O PROBLEMA.

    Morar no Brasil de hoje é como morar dentro de um furúnculo pôdre! Por mais que você lute, por mais que você ajude a mudar o que está errado, mais a coisa fica pior! Por que eu, você e a sociedade estamos moralmente destruídos, batendo panela, e indo às ruas?! E sendo piada lá fora?
    Passando emails aos politicos do Congresso, pedindo para não votar no juiz, que o próprio RÉU escolheu para O julgar? Assinando manifestos para fazer CPI no BNDES, Fundos de Pensão, etc Enfim, além de produzir, de trabalhar, e dar o dinheiro ao governo, a gente tem que ficar assinando abaixo assinado para que o Brasil vire decente?

    Um amigo meu disse: “ Vou embora daqui. Quero ir para um lugar onde EU SOU O PROBLEMA. Quero um país onde eu não serei assaltado , e onde eu possa cobrar e fazer pressão aos poderosos” . É um ponto! O PT e as esquerdas gramscinientas conseguiram deformar a fraca democracia brasileira e os valores da juventude. Nós estamos a um passo do precipício totalitário vagabundo que o Foro de São Paulo construiu. E nem mesmo a USP gosta que se fale no assunto. Não gosta porque tem culpa no cartório!

    O curioso é que, de um lado, há a sociedade que produz e empreende e de outro lado, há um Partido e uma esquerda infestada em tudo, que gasta e corrompe a democracia. Sorrateiramente, o PT usa as instituições democráticas (ex., eleições, universidades, jornais , supremo, CGU, etc), para implantar a tirania.

    A dificuldade do PT é que êle precisa de gente que produz riqueza. Êle precisa, enfim, do que êle chama da classe média (nós) e do neo-liberal. Porque é o neo-liberal que paga a conta e que cria riqueza. Só que o neo-liberal acordou. Meio tarde, mas acordou. E êle está dizendo: eu dou o dinheiro se você, governo, usar esse dinheiro de modo transparente e numa gestão eficiente e com alternância. Eu preciso criar um partido que tenha instrumentos de pressão para que eu cobre resultados. Ora, não há um partido assim. Não há um partido liberal decente. Voce, PT, deu poder apenas aos neo-liberais corruptos. Foram êles que ganharam licitações. Eu não sou corrupto e não confio mais em vocês. Vocês acreditam que quem cria riqueza e sabe gerir uma empresa, é o problema. Voces do PT, SÃO O PROBLEMA. É daí, PT, que saiu tudo: corrupção desenfreada, justiça, congresso e imprensa aparelhados e degeneração de valores. O confronto virá daí. O lado que produz riqueza e paga a conta resolveu virar o jogo. E é por isso que a luta vai ser ganha. A verdade, a justiça, e a decência aparecem no final. O PROBLEMA não é mais o PT. O problema AGORA SOMOS NÓS, cidadãos pagantes! Nós vamos COBRAR , CONTROLAR e FISCALIZAR o EXECUTIVO, o LEGISLATIVO, o JUDICIÁRIO, A IMPRENSA e tudo mais!!! O Brasil vai virar um país onde EU, o é por isso que a luta vai ser ganha. A verdade, a justiça, e a decência aparecem no final. O PROBLEMA não é mais o PT. O problema AGORA SOMOS NÓS, cidadãos pagantes! Nós vamos COBRAR , CONTROLAR e FISCALIZAR o EXECUTIVO, o LEGISLATIVO, o JUDICIÁRIO, A IMPRENSA e tudo mais!!! O Brasil vai virar um país onde EU, o é por isso que a luta vai ser ganha. A verdade, a justiça, e a decência aparecem no final. O PROBLEMA não é mais o PT. O problema AGORA SOMOS NÓS, cidadãos pagantes! Nós vamos COBRAR , CONTROLAR e FISCALIZAR o EXECUTIVO, o LEGISLATIVO, o JUDICIÁRIO, A IMPRENSA e tudo mais!!! O Brasil vai virar um país onde EU, o PAGADOR, SOU O PROBLEMA!!!

    Responder
  2. Alexandre Sampaio Cardozo de Almeida

    São Paulo, 22 de abril de 2.015

    Prezado Osmar,

    Estou estarrecido com o acontecido. É surrealista a reportagem do jornalista da Folha, não por acaso, o mesmo que assinou o texto do aeroporto de Cláudio, MG, durante a campanha de 2.014.
    O PT está nas cordas como nunca esteve antes. Fará de tudo para acertar o maior número de inimigos possíveis antes do amargo fim. E o Reaçonaria, enquadra-se nessa categoria. A tendência é a brigar acirrar-se muito mais. Força, coragem e perseverança, prezados “Reacionários”. Falta pouco para acabarmos com esse Leviatã.

    Responder
  3. Marcelo Araujo

    Olá senhores boa tarde.
    Eu vejo diversos meio de comunicação, seja jornais, revistas, tele jornais, sites, blogs, etc.. acusando o PSDB de fazer uma oposição fraca, frouxa, tíbia e por aí vai. Na minha humilde visão o PSDB não é, não foi, e jamais será oposição ao PT. Explico: como um partido que se diz de oposição concorda com tudo o que o partido da situação propõe, ou se não concorda, pelo menos se mantém no mais retumbante silêncio? Não que o PSDB deveria fazer a tal da oposição irresponsável como o PT fez no passado, porém, não se vê nenhum movimento dessa sigla no intuito de se posicionar contra todos os absurdos que os petralhas têm cometido durante seu “reinado” em Brasília; muito pelo contrário, alguém já viu o PSDB fazer alguma denúncia contra o PT? algum dos escândalos, dos quais estes são protagonistas foram denunciados pelos tucanos? não me lembro de nenhum.
    Dessa forma temos que encarar a realidade como ela se nos apresenta, PT e PSDB, são cria da mesma amalgama, são farinha do mesmo saco.
    Existe uma teoria circulando da internet chamada de:”O pacto de Pincerton”, do qual até Olavo de Carvalho já falou, segundo essa teoria, ambos os partidos teriam feito um pacto em uma reunião secreta que teria havido nesta cidade, que os tornaria pseudo inimigos na frente das câmeras e eternos camaradas nos bastidores, com o intuito final de transformar a América Latina em uma segunda União Soviética.
    Alguém viu o Aécio questionar a Dilma sobre o Foro de São Paulo durante a campanha eleitoral? ou mesmo questioná-la a respeito dos empréstimos secretos às mais sangrentas ditaduras comunistas? Por quê será que ele não o fez?
    Somos nós contra eles, é simples assim.

    Responder
    • Werner

      Perfeito!
      O que causa estranheza é a quantidde de sites que se apresentam como de direita, dando apoio ao PSDB e colocando a figura de Aécio como salvador da Pátria. Não creio que seja por ingenuidade. Tentam direcionar o desejo de mudança para algo que será mais do mesmo.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *