Sem dinheiro público, revista Carta Capital pode fechar

A Carta Capital, revista semanal de notícias mais alinhada ideologicamente a um partido político no país, está prestes a encerrar suas atividades. Ao menos é o que declara uma entusiasta e importante líder de outro tipo de mídia também ligada ao PT.

A boa novidade foi divulgada em um post no Facebook na conta pessoal de Conceição Oliveira, também conhecida como Maria Frô. A blogueira é uma liderança dos “blogueiros progressistas“, um coletivo de militantes virtuais que fazia guerrilha virtual em troca de anúncios do governo.

Nos anos do PT no poder, além de contar com anúncios de estatais e governos do partido, a revista deixava clara sua cor partidária ao oferecer 50% de desconto nas assinaturas de filiados do PT. O encolhimento do partido e a queda de Dilma, somados ao envolvimento do nome da revista na Operação Lava Jato, podem ter decretado o fim desta criação de Mino Carta – que segundo Lula, recebia dicas do próprio para fazer suas publicações.

Vejam o post de Maria Frô:

Pessoal, a Carta Capital esta prestes a fechar. Por suas posições não recebe anúncios nem das empresas e nem governamentais. Esta fechando. Apesar de fazer um jornalismo sério e ser o único semanário a dar a outra versão dos fatos.
Só uma campanha massiva de assinaturas pode salvar a imprensa livre.
Quem nao assina, faça uma assinatura, quem já assina, presenteie um amigo que não tem condições de fazê-lo. Assim, além de contribuir pela manutenção da imprensa livre vamos ajudar a levar as informações às camadas da população que não têm acesso a outras versões dos fatos.
Pra contrapor a grande mídia precisamos manter aqueles que fazem um jornalismo decente.

Leiam também:

> O corte da verba suja aos blogs do PT e como a imprensa noticiou a ação

> Os blogueiros progressistas afundaram Lula duas vezes!

Loading...

8 comentários para “Sem dinheiro público, revista Carta Capital pode fechar

  1. Cárita

    Que triste as pessoas, uma revista deixa claro, como foi citado acima, sua cor partidária e as demais fazem de forma sutil, subestimando a nossa percepção dos fatos e podem fazer isso afinal o resultado é satisfatório pois neste momento do Brasil que estamos assistindo nossos direitos conquistados a longos de anos e anos serem jogados no esgoto, a corrupção no poder depois de tudo que já chegou ao nosso conhecimento “aposto que é só a ponta do iceberg”, a inércia da população diante dos fatos só me leva a crer que realmente esta revista “precisa” fechar, que Veja, Época e escambau devem continuar. Afinal não somos contra a corrupção e sim contra um modelo de politica social e econômica, não somos contra a mentira e sim a favor de verdades que satisfaçam as nossas crenças, não somos partidários apenas cidadãos do bem contra a danificação do patrimônio, afinal quebra se pessoas e não coisas (quantos já morreram por negligência nas ações do governo), somos a favor da segurança de todos do bem afinal bandido bom é bandido morto pouco importa o que produz um bandido. Então sejamos assim e vamos nos conformar com o nosso quadro político e tirar de cena tudo que deve ser anulado, á luz da do fascismo vamos definir o que deve viver e o que deve morrer…

    Responder
  2. eunice

    Espero que feche logo e que nunca mais volte. E espero Mino Carta preso numa cela comum com alguns estrupadores que ele e Maria do Ossario tanto defendem!!! Velho podre e porco, queime no inferno!

    Responder
  3. Pedro Rocha

    RA desmoralizado pela Joice (pá de cal da PGR), Villa por Bolsonaro e agora o fim da Carta Capital.

    E tem gente que dizia que o impeachment não adiantaria nada. Não resolveu, mas enfraqueceu o establishment e ganhamos tempo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *