Renan tenta manobra para votar hoje as “10 medidas”, mas Senado rejeita

Por 44 votos  a 14, o senado rejeitou o requerimento de urgência para votar as “10 medidas contra a corrupção” ainda hoje.

Tal matéria teve votação finalizada durante a madrugada, o que já foi criticado por muitos.

Veja os 14 senadores que votaram pela urgência:

Benedito de Lira (PP-AL)

Fernando Collor (PTC-AL)

João Alberto (PMDB-MA)

Humberto Costa (PT-PE)

Fernando Bezerra (PSB-PE)

Ciro Nogueira (PP-PI)

Lindberg Farias (PT-RJ)

Vicentinho Alves  (PR-TO)

Hélio José (PMDB-DF)

Zezé Perrella (PTB-MG)

Roberto Requião (PMDB-PR)

Ivo Cassol (PP-RO)

Pastor Valadares (PDT-RO)

Valdir Raupp (PMDB-RO)

senado-votacao-urgencia

Revisado por Maíra Pires  @mairamadorno

Loading...

2 comentários para “Renan tenta manobra para votar hoje as “10 medidas”, mas Senado rejeita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *