Novo partido de Rodrigo Maia nasce com a lepra da ‘Constituinte Exclusiva’

O jornal O Globo noticiou que Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara, e o senador Fernando Bezerra (PSB) estão articulando um novo partido. Com o nome provisório de ‘Centro Democrático’, a sigla tem toda a cara de ser um surto pilantrópico para dar sustentação a um possível governo Maia.

O partido é um projeto de Maia que tem que vencer outros membros do DEM para conseguir a fusão com alguma outra sigla nanica e assim evitar o recolhimento de assinaturas da sociedade para a formação da agremiação.

A coluna de Lauro Jardim chegou a dizer que seria um partido focado em ‘socialismo liberal‘ (?!). Já a Folha informa que as conversas de fusão chegaram no PSD (que nasceu propondo Constituinte) e tudo avança para que a nova sigla defenda em sua fundação uma Constituinte Exclusiva e a adoção do Parlamentarismo. Também há a informação que o partido na verdade seria de ‘centro-direita’.

A realidade é que seria um genuíno partido ‘chama teus amigos, que eu chamo meus amigos’.

Atualização:  Ao portal O Antagonista, Rodrigo Maia negou tudo.

 

Loading...

Um comentário para “Novo partido de Rodrigo Maia nasce com a lepra da ‘Constituinte Exclusiva’

  1. Pedro Rocha

    Como a Lava Jato cortou o dinheiro que irrigava a criação de novos partidos para aluguel, agora terão que fazer fusões para abrir “janelas” de migração partidárias.

    Creio que será a tendência a partir de agora, pois como o caixa 2 emagreceu eles terão que fazer essas fusões para aumentar os caixas dos partidos com o dinheiro do Fundo Partidário, ganhando em economia de escala.

    Fazer um Partido do zero, sem dinheiro e a base de boa vontade é muito difícil. Basta ver que desde 2011 o Partido Militar Brasileiro está lutando para ser homologado pelo TSE, sendo hoje o partido de direita maior e mais próximo da formalização.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *