Mídia Ninja exalta carreira de mulher que se prostitui desde os 12 anos

O mídia ninja hoje postou uma “homenagem” à Maria de Jesus da Costa em que exaltava a experiência de vida de uma mulher que “Ingressou no trabalho da prostituição aos 12 anos”.  Não demorou para começar uma reação no twitter:

O mídiaNinja apagou o post também no facebook mas ele pode ser encontrado em cache aqui :

PRINT COM O TEXTO COMPLETO

O MídiaNinja não informa se deletou o post por medo de uma maior repercussão ou por ter voltado atrás. O putativismo é um movimento de empoderamento feminista voltado às mulheres prostitutas.

Não tendo o que se afirmar como positivo na prostituição, sobra exaltar as marcas de abusos sofridos ao longo do tempo. Essa é uma das primeiras vezes que tornam público terem como medalha de honra o início precoce no meretrício.

Enquanto a prostituição é ilegal na vasta maioria dos Estados Unidos (apesar da pornografia), no Brasil o Ministério do Trabalho do Brasil trata a prostituta como profissional e já distribuiu cartilha ensinando como se trabalha, num óbvio mal uso do dinheiro do contribuinte. Essas “profissionais” são as servidoras favoritas dos nossos corruptos.

A normalização da pedofilia somada com a regulamentação da prostituição como profissão, eis o caráter macabro do que a nossa esquerda quer para o futuro dos nossos filhos e filhas.

Loading...

3 comentários para “Mídia Ninja exalta carreira de mulher que se prostitui desde os 12 anos

  1. PT = Corrupção

    Nem 8 nem 80. Os Estados Unidos considerarem a prostituição crime é um falso moralismo típico de países muçulmanos. Nenhum outro pais ocidental tem lei semelhante. Mas a apologia da prostituição que vemos por aqui é demais….

    Responder
  2. Bruno

    “(…) no Brasil o Ministério do Trabalho do Brasil trata a prostituta como profissional e já distribuiu cartilha ensinando como se trabalha, num óbvio mal uso do dinheiro do contribuinte.”, quem legalizou a pouca vergonha foi Fernando Henrique Cardoso (aquele que foi contra impeachment de Lula e Dilma, além de apoiar a legalização das drogas) em 2001, sob silêncio da mídia e setores da sociedade na época.

    Responder
  3. eunice

    Midia MIJA esse é o nome certo. Bando de playboyzinhos maconheiros que NUNCA trabalharam.. vivem do dinheiro roubado do trabalhador que esses vagabundos nunca viram ao vivo…

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *