FHC, Lula, Gilmar Mendes, Michel Temer e Aécio

Gilmar Mendes se reuniu com Michel Temer, neste ano, ao menos três vezes. Todas sem que o encontro conste nos registros das agendas oficiais de qualquer um dos dois. Gilmar Mendes é o Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a ele cabe decidir quando iniciar o julgamento que inevitavelmente considerará ilegal a campanha da chapa Dilma-Temer em 2014, abastecida com dinheiro do crime e que lavou dinheiro com gráficas fantasmas.

FHC se encontrou com Lula quando Dona Marisa estava hospitalizada. Uma semana depois, defendeu o petista ao depor como testemunha de defesa de Paulo Okamotto. Assim como Lula, FHC é muito próximo de empreiteiros, especialmente Marcelo Odebrecht, um dos financiadores do Instituto FHC.

Quando Dona Marisa morreu, Lula conversou reservadamente com Michel Temer e, sem qualquer vergonha, tratou da Lava Jato.

Na última noite, Aécio Neves voava em um jato fretado – dizem eles que pago pelo PSDB – de Brasília para São Paulo, onde se reuniu com Fernando Henrique Cardoso. Ninguém saberia do encontro mas um imprevisto ocorreu e o avião derrapou na pista do Aeroporto de Guarulhos.

É muito bom ver tanta gente boa dialogando pelo melhor do nosso país. Não há a menor dúvida de que, nesses encontros, são debatidas soluções para os problemas do Brasil. Afinal de contas, as nossas instituições funcionam perfeitamente e usufruímos a plenitude dum estado democrático de direito.

Revisado por Maíra Pires @mairamacpires

Loading...

3 comentários para “FHC, Lula, Gilmar Mendes, Michel Temer e Aécio

  1. Valdir Marques de Souza

    Tudo pelo bem dos ladrões e que o povo se dane, em nome (claro)do “Estado Democrático de direito” que a Maria do Rosário (R.A.) dos políticos corruptos tanto prega em seu lastimável programa na Jovem Pan.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *