Em 1936, ameaça nazista de exterminar os judeus foi só uma notinha do The New York Times

Em 16 de setembro de 1936, algumas semanas após a humilhação olímpica dos nazistas, a notícia da página 14 reporta que Julius Streicher, alto escalão do partido nazista futuramente condenado em Nuremberg, havia dito em um encontro de anti-semitas no hotel Wittelsbacher que a maneira de resolver o problema dos judeus, não só na Alemanha mas no mundo, era exterminando-os.

Era assim que o bibelô da imprensa esquerdista brasileira tratou a questão judia. Para ser fake news não é preciso só mentir, mas enterrar a verdade. Essa reportagem é considerada uma das primeiras que noticiaram as promessas nazistas de exterminar os judeus,  e somente 2 anos depois que outras ameaças vieram a ser publicadas nos jornais.

Revisado por Maíra Pires @mairamacpires

Um comentário para “Em 1936, ameaça nazista de exterminar os judeus foi só uma notinha do The New York Times

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *