Dilma Rousseff recebe com pompa chefe do tráfico venezuelano

Apesar de não constar em agenda oficial, a presidente Dilma Rousseff recebeu no Palácio do Alvorada o bolivariano e traficante Diosdado Cabello.

Uma breve biografia de Cabello feita pelo O Antagonista:

Seria mais um convescote bolivariano-lulista, não fosse Diosdado Cabello um dos maiores barões da cocaína do mundo, ligado ao Cartel dos Sóis. Um ex-guarda-costas do sujeito delatou às autoridades americanas que Diosdado Cabello comanda 90% da exportação da cocaína produzida pelas Farc. O currículo é tão pesado que ele só se atreve a viajar a Cuba — e ao Brasil.

Logo depois que Diosdado Cabello desembarcou em São Paulo, a PF deu início à operação para prender uma quadrilha que, da Venezuela, internou ilegalmente no país o equivalente a 3 bilhões de reais. O chefe venezuelano dessa bandidagem especializada em evasão de divisas e lavagem de dinheiro é José David Cabello, ministro das Indústrias e diretor do Centro Nacional de Comércio Exterior bolivariano. Ele é irmão de Diosdado.”

 

Dilma Rousseff e Diosdado Cabello

Dilma Rousseff e Diosdado Cabello (Fonte: Prensa Asamblea Nacional)

Apesar do encontro ter sido escondido no Brasil, a Telesur e a Assembleia Nacional da Venezuela divulgaram com orgulho e pompa a reunião.

Neste momento, Lilian Tintori (esposa de Leopoldo López), Maria Corina Machado (deputada destituída pela ditadura venezuelana), Patricia Ceballos (esposa de Daniel Ceballos), Mitzy Capriles (esposa de Antonio Ledezma) e outras apoiadoras estão acampadas em frente à Embaixada do Brasil em Caracas cobrando do governo brasileiro a aplicação da Cláusula Democrática da Unasul. Infelizmente, o governo do PT segue cúmplice da ditadura venezuelana.

Loading...

Um comentário para “Dilma Rousseff recebe com pompa chefe do tráfico venezuelano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *