Crise para quem? Governo autoriza R$ 842.648,00 para documentário sobre Jean Wyllys

Em meio a crise econômica, fiscal, política e moral que assola o país, o Ministério da Cultura, comandado pelo senhor ministro Jucá Ferreira, renunciou a R$ 842.648,00 que poderão ser cooptados captados para a produção de um documentário sobre Jean Wyllys.

Recentemente, o Ministério da Cultura vetou a captação de recursos para um documentário sobre Mário Covas, que acreditamos, é muito mais relevante para a história política do país do que Jean Wyllys.

Em 2013, o MinC renunciou a R$ 1,5 milhão para a produção de um documentário sobre o condenado José Dirceu.

Desde que o PT chegou ao poder, o governo já repassou R$ 15 bilhões através da Lei Rouanet.

Confira o despacho da ANCINE no Diário Oficial clicando aqui.

COMPARTILHE NO TWITTER, FACEBOOK E GOOGLEPLUS!

jean1jean2

Leia também:

Coletânea Jean Wyllys (ASCOM)

Loading...

268 comentários para “Crise para quem? Governo autoriza R$ 842.648,00 para documentário sobre Jean Wyllys

  1. W.A

    Quero ver fazer um filme desses lá na Síria , aí tu ia ver que filme ia ser !!!
    Bandos de vagabundos ,vão olhar para o povo trabalhador desse país , vão da valor para esse povo que ainda acredita em Deus !!
    Desculepe meu desabafo !!

    Responder
  2. Andre Fergonsin

    Acharam ruim?? Porque? São contra fazer biografias? Ou snao contra fazer a biografia do Jean Wyllis? Se posicionem pessoas, porque HÁ MUITOS ANOS o Brasil vem financiando biografias com dinheiro público. Não sejam hipócritas, digam que são contra o deputado, se opoem a suas ideias e portanto querem CENSURAR a produção deste filme.
    Onde vocês estavam quando fizeram o filme “CHATÔ” (ok, fizeram os documentários no projeto sobre a vida do cidadão Kane brasileiro Assis Chateubriand) mas o longa que custou perto de 10milhões e não deu em nada? Onde vocês reclamões estavam????
    Assistam o trailer
    http://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2015/05/escritor-divulga-1-trailer-de-chato-o-rei-do-brasil-em-producao-ha-20-anos.html
    Vão chupar manguaça até virar aspirina, Srs. enxaquecas.

    Responder
    • Libero

      Quem é que quer “censurar” o filmeco sobre o seu querido deputado BBB?

      Queremos apenas que dinheiro público não seja desperdiçado com supostos “documentários” (leia-se: PANFLETOS) cuja única finalidade é promover um político mentiroso e nefasto que se faz de vítima pra se dar bem na vida, impor sua agenda psicótica e tentar f*der a sociedade brasileira.

      Possível solução para as fãzocas do deputado totalitarista chorão e nervosinho:

      Não chorem mais! Peguem o SEU próprio dinheirinho e façam o filme promovendo o seu ídolo engana-trouxa!

      Responder
    • Cidadão Kane

      Explicando o óbvio para a jeanchete:

      1- O país está em crise.
      2 – Essa crise foi provocada pelo pt (partido que o seu ídolo adora defender).
      3 – Em tempos de crise, é necessário cortar gastos
      4 – Logo, não há cabimento dar mais de 800 K para um filmeco tosco que ninguém vai assistir.

      Quem defende censura é a linha-auxilliar do pt, a ponto de defender a ditadura venezuelana e cubana.

      Responder
    • voto nao obrigatorio

      Cria vergonha na sua cara defendendo safado ..
      Ninguem faz filme de pai de familia se virando pra nao passa fome com seus filhos .
      Filme bom desses pilantras seria sendo presos …vai defende quem merece ..

      Responder
    • não interessa

      Calma cara, a questão não é gastar com documentários, é tirar dinheiro da educação, aumentar a gasolina em mais de 20% em menos de um ano, afirmar que estamos passando por uma crise difícil e querer gastar quase 1 milhão com um documentário, tem momentos para isso, e esse não é o momento.

      Responder
    • Jiraya

      Faz uns 30 anos que não assisto a um filme ou a um documentário decente produzido no Brasil. Porque será? As facilidades criadas pela Lei Rouanet favoreceram o aparecimento de verdadeiras aberrações porquanto beneficiaram gente sem talento e retardados pelegos do governo. A alta cultura foi destruída no Brasil pois é mais fácil controlar alguém cujo mundo limita-se a bater palmas diante da tv assistindo um BBB da vida do que alguém que se “debruça sobre livros”.
      Hoje, quem não está lambendo a sola da bota do Jararaca tem que apelar para crowdfunding, paypal etc

      Responder
    • May

      no meu caso considero uma afronta aos valores da família gastar dinheiro do povo para fazer documentário sobre a vida de como foi dificil a vida de Jean ao querer dar a bunda, não me importo e não quero saber, e nem que gastem meu dinheiro para produzir filme sobre a dificuldade de ser viado. Em vez disso deveriam produzir videos educativos, educação de verdade, não documentário de alguém que quer por em escolas publicas kit viado.

      Responder
  3. Sandra

    Vc é uma decepção em passo a, como muito dos brasileiros confiaram em vc ! Vc é uma vergonha mal caráter, um de respeito à sociedade brasileira

    Responder
  4. Marcela de Oliver

    Falta do que fazer, falar de um lixo desses. Pessoas passando fome e sem remédios nos postos de saúde, ficam rasgando dinheiro pra falar de merda!😡😡😡

    Responder
  5. Noé P. Campos

    Não haverá um grupo de generais pra derrubar esse governo da desgraça e meter na cadeia esse exército de vírus cancerígenos sociais? Exército não! Amontoado, bando, alcateia! Exército (e igualmente Marinha e Aeronáutica) é uma organização que tem ordem e disciplina (embora não seja imaculado, porquanto feito de brasileiros tão contaminados pela cultura da corrupção que nem os bons exemplos éticos de Médici e outros são capazes de impedir casos como o do Almirante preso pela Operação Lava-Jato por ter aceito milhões em suborno!).

    Responder
    • Paulo

      _Talvez não entendamos mesmo de indústria cinematográfica mas, com certeza sabemos muito sobre as falcatruas desse governo terrorista que comanda este país… CORRUPÇÃO, PREVARICAÇÃO, CORPORATIVISMO E ETC. Ao que parece, você entende muito de cinema mas não entende nada de RETIDÃO, HONESTIDADE, DIREITOS DO CIDADÃO e tudo que é decente na vida social humana! *O PIOR CEGO É O QUE NÃO QUER ENXERGAR!* SE INFORME!

      Responder
    • Cidadão Kane

      Ok, já que ninguém aqui entende de cinema então você poderia nos responder o motivo desse projeto está na casa dos 850 K enquanto a mesma empresa lança uma campanha de financiamento coletivo, para fazer um documentário sobre a mesma pessoa, mas pedindo 120 K?

      Responder
      • caiko

        onde tá esse link coletivo? pesquisei sobre o valor que ele pediu pra ser captado é pra ser justamente pra aluguel das salas de Cinema. Somente… pesquisem antes de saber e atacar.. .se Não fosse isso eu estaria apoiando a matéria

        Responder
        • Cidadão Kane

          Eu já passei o link na parte de comentários.Mas se quiser ver de novo:

          https://www.catarse.me/pt/eujean?ref=explore

          ” pesquisei sobre o valor que ele pediu pra ser captado é pra ser justamente pra aluguel das salas de Cinema.”

          Me engana que eu gosto.Olha o que a produtora diz no link do Financiamento Coletivo:

          “Pra arredondar:

          R$ 120 MIL é TUDO ou NADA.
          R$ 200 MIL é ótimo.
          R$ 300 MIL é CINEMA!”

          A produtora admite que para ir ao cinema é necessário 300 K.A pergunta é:
          Para que um projeto que passa da casa dos 800 K (e isso na época de dólar baixo)?

          Quem precisa pesquisar aqui é você!

          Responder
  6. marcos

    Lei Rouanet » Como Funciona

    O mecanismo de incentivos fiscais da Lei Rouanet é uma forma de estimular o apoio da iniciativa privada ao setor cultural. Ou seja, o Governo abre mão de parte dos impostos (que recebe de pessoas físicas ou jurídicas), para que esses valores sejam investidos em projetos culturais que ajudam a mudar e até transformar o cenário da comunidade.

    O proponente apresenta uma proposta cultural ao Ministério da Cultura (MinC) e, depois de aprovada a proposta, o proponente é autorizado a captar recursos junto a pessoas físicas pagadoras de Imposto de Renda (IR), que apresentam declaração completa, ou empresas tributadas com base no lucro real visando a execução do projeto.

    Os agentes incentivadores que apoiarem o projeto poderão ter o total do valor desembolsado deduzido do imposto devido (artigo 18), dentro dos percentuais permitidos pela legislação tributária.
    Empresas, até 4% do imposto devido;
    Pessoas físicas, até 6% do imposto devido.

    O incentivo não altera o valor a pagar ou a restituir do seu Imposto de Renda, apenas redireciona parte do imposto para o projeto escolhido, contribuindo para a cultura e promovendo o desenvolvimento do cidadão.

    Responder
    • Davidson

      Exatamente, mas só a um problema: Onde está a cultura? Um documentário sobre a Vida de um ex BBB; não há nenhum preconceito contra os participante, mas mostre-me o que ele fez ao longo da vida? Mostre-me algo além de bostejar a favor das minorias no congresso? Não há. Aliás cultura para quem? O povo não está com dinheiro para comprar pão menos ainda para assistir um “FILME NACIONAL” KKKKKKKKKK eu teria vergonha de chamar de filme nacional o documentário desse cara. Apenas mais dinheiro jogado no lixo.

      Responder
  7. joão carlos cardoso

    Por isto que este país não tem memória, olha de quem querem fazer documentário, ta de brincadeira, já chega ele ficar mamando nas tetas do povo através da política, a arte que este sujeito fez foi fazer parte do BIGBOSTA na rede esgoto de televisão, que grande ironia…….!!!!!!

    Responder
  8. PLINIO COELHO

    Em um país corrupto, que não está nem aí para o cidadão pagador de impostos, vemos pessoas tentando explicar o inexplicável. É desvio de impostos sim! É dinheiro público! Mas é uma gota em um mar de lama.

    Responder
  9. Ivan

    Gente, deixa eu explicar uma coisa. A verba da Lei Rouanet é direcionado diretamente à produção cultural. Todo ano a verba volta para os cofres sem ser totalmente utilizada pq não tem projeto cultural suficiente pra gastar a verba. O que é uma pena, pq só lendo certos comentários dá pra ver que cultura é uma grande deficiência no Brasil. É uma grana que vem de empresas destinado exclusivamente à produção cultural. Se não é utilizada, acaba na suíça, na conta de algum vagabundo. Que por sinal deveria ser o foco em páginas como essa. Vagabundos, e não pessoas de bem, honestas e que lutam, e tem o pudor de lutar, em favor de minorias que muita gente, quando não ignora, maltrata.

    Responder
    • Nuno Figueiredo

      Explica o inexplicável?
      Você já deu-se conta que essa bosta de lei só aprova coisas para beneficiar os comunistinhas do brasil? ou será que é cego? Você acha mesmo que não há coisas infinitamente mais interessantes que a biorafia de um imbecil?

      Responder
    • Paulo Pacifico

      … Isso a gente ja sabe… a questão é… como uma vida desse Sr. que não tem nem idade politica… onde não tem nenhum projeto aprovado que ajude o Povo em geral… se libera uma verba dessa pra falar do q? que vida esse Sr. tem para dar de exemplo?

      Responder
    • Andre

      Mas uma pergunta Ivan, achei sim seu comentario muito relevante, porém, como um documentário sobre Jean Wyllys pode ser considerado uma produção cultural? Ele é um deputado e ex bbb, não acho que sua vida tenha relevância pra esse tipo de coisa, mesmo o dinheiro vindo de empresas e não do contribuinte, acredito que ele poderia ser gasto de melhor forma, na minha opinião é um absurdo

      Responder
      • Andre

        so pra salientar, que no meu comentário eu to excluindo a parte academica da vida dele, não que não seja digna, mas não vi nada que pudesse justificar

        Responder
    • Leandro Suana Jesus

      Mas um documentário sobre o Gjeãnm Whyllyz’s é de pouquíssima sabedoria convenhamos. O país precisa sim de cultura, mas tem que ser cultura e não essa vangloriança. Do que ele vai falar? Da opção sexual, do reality show que participou, e da sua incrível ascensão popular e chegada ao poder através de votos ao partido e não à sua própria pessoa? Na moral esse dinheiro também é meu e eu dispenso tal doCUmentário.

      Responder
    • Serio?

      Serio que você ta fala do que Jean willys é um cara bom?

      Apenas alguém que com seus 5 minutos de fama vendeu seu peixe e se elegeu deputado.

      Agora prega o ensino obrigatório do islamismo nas escolas (o mesmo islamismo que é intolerante a gays como ele).

      Ele não tem cultura , não tem legado para ser contado. É um energúmeno aproveitador, que não merece 1 centavo dos cofres públicos, ou seja, do meu dinheiro, para contar sua trajetoria mediocre!

      Responder
    • Cidadão Kane

      “Todo ano a verba volta para os cofres sem ser totalmente utilizada…”

      “Se não é utilizada, acaba na suíça, na conta de algum vagabundo.”

      Conheça o incrível caso da verba que ia voltar para os cofres públicos, se perde no caminho e acaba na Suíça.

      E isso porque o sr. Ivan tem cultura.Muuuuuuita cultura.

      Responder
    • Cleide Gomes

      Respondendo: O Sr. Jean Wyllys atualmente é Deputado Federal eleito pelo Rio de Janeiro. Sua formação acadêmica é de jornalista com mestrado em Letras e Linguística pela UFBA, professor de Cultura Brasileira e de Teoria da Comunicação na ESPM e na Universidade Veiga de Almeida – ambas no Rio de Janeiro, além de escritor.

      Responder
    • Nuno Figueiredo

      ele é um idiota que entrou na politica para transformar o certo no errado e vice-versa. Só defende os interesses LGBT como se isso fosse a prioridade máxima de uma nação. É um babaca sem noção. (dizem, mas não sei se é verdade que ele venceu um BBB – outro lixo, uma verdadeira ofensa à inteligência humana.)

      Responder
  10. Robson Aparecido

    Esse Thiago que comentou que esse dinheiro para o filme não é recurso publico deveria ler um pouco mais e tem outra ele deve ser parente do Jean wyllys e com certeza vai contribuir com o filme, tem tanta gente mais valiosa que deveria receber uma homenagem e fazer um filme sobre a pessoa, tais como Amaral do Gurgel idealista e construtor do primeiro carro 100% brasileiro e como qualquer brasileiro faliu por causa da falta de incentivo fiscal que o governo deveria propor para uma empresa brasileira, Ayrton Senna grande ícone do esporte, Mazzaropi grande cineasta brasileiro entre outros.

    Responder
  11. Thiago

    Eu não consegui postar no link sobre o financiamento do filme do Jean Willys. Uma coisa que as pessoas precisam entender é como a lei Rouanet funciona. Não é dinheiro público propriamente dito, mas dinheiro que empresas pagariam de imposto que é usado para patrocinar produções culturais. Não concordo inteiramente com a lei, mas não porque é dinheiro público.
    O produtor do filme apresenta uma proposta cultural ao Ministério da Cultura (MinC) e, depois de aprovada a proposta, o produtor é autorizado a captar esses recursos com as pessoas físicas pagadoras de Imposto de Renda (IR), que apresentam declaração completa, ou empresas tributadas com base no lucro real para poder fazet o filme. Quem apoiar o filme poderá ter o total do valor desembolsado deduzido do imposto devido de acordo com os percentuais permitidos pela legislação tributária. Empresas podem destinar até 4% do imposto devidobe as pessoas físicas até 6%. O incentivo não altera o valor a pagar ou a restituir do seu Imposto de Renda, apenas redireciona parte do imposto para o projeto escolhido.

    Responder
      • SONIA MARTINS

        CONCORDO, IMAGINA ESSE DINHEIRO (PUBLICO ) USADO AONDE SE DEVERIA, UM HOSPITAL, EM OPERAÇÕES PARADAS POR FALTA DE ANESTESIA, EM AULAS DE REFORÇO, EM MACAS EM CONDIÇÕES DE USO, AFFFFF………DA UMA RAIVA……………É DINHEIRO NOSSO COM CERTEZA….

        Responder
        • Cleide Gomes

          Veja, é um dinheiro de imposto que o empresário dá o destino que ele acha devido. É como você pegar o seu dinheiro e resolver fazer uma doação a uma instituição onde você sabe que será bem utilizado. É uma escolha sua. Normalmente achamos mal empregado o dinheiro dos impostos que somos obrigados a pagar, não é verdade? Ninguém gosta de pagar 25% da sua receita ao IR, então o empresário que quer incentivar a cultura tem a possibilidade de destinar o dinheiro dele para algum projeto no qual ele acredite ser interessante.

          Responder
      • Rogério

        Lógico, isso é a coisa mais obvia. Me deixa perplexo e indignado, ver pessoas ainda tentando justificar um verdadeiro roubo dos cofres públicos para beneficiar essas heinas receptadoras que de cultura não têm nada, senão somente deturpação e tendência à destruição da nossa verdadeira cultura…

        Responder
    • Mari Arend

      Adoro explicações em sites duvidosos.. explicar que não é o brasileiro pagando é ótimo. É o brasileiro invés de pagar pro governo, pagar para o que acredita!!

      Responder
    • joao

      É DINHEIRO PÚBLICO SIM! É DINHEIRO DE IMPOSTOS SIM!
      1 o governo tem um montante que é aprovado para desembolso anual (uns R$ 1,2 bi por ano http://reaconaria.org/blog/reacablog/ajuste-pra-quem-parte-6-governo-petista-ja-deu-r-15-bilhoes-atraves-da-lei-rouanet/)
      2 os projetos são aprovados dentro dessa cota que o governo pode abrir mão no orçamento
      3 os produtores culturais vão atrás de financiadores
      4 os financiadores abatem o valor doado dos impostos
      5 completa o ciclo de renúncia fiscal para fomento à cultura

      o valor aprovado do jean wyllys está na página da ancine:

      DESPACHO DECISÓRIO DA SUPERINTENDÊNCIA DE FOMENTO nº. 201 de 19-12-2014 / PUBLICADA NO DIÁRIO OFICIAL DE 22-12-2014
      Aprovar a captação pelos projetos “Ela Disse, Ele Disse”, “Nos Seus Ouvidos”, “Tempos de Jean Wyllys”, “Trilha do Rei”, “Metamorphosis”, “Avenida Brasil, Líbano – Histórias de Uma Imigração” e “O Haiti Não é Aqui?”

      O SUPERINTENDENTE DE FOMENTO da ANCINE, no uso das atribuições legais conferidas pela Portaria no 140 de 03 de julho de 2012; e em cumprimento ao disposto na Lei nº. 8.313, de 23 de dezembro de 1991, Lei nº. 8.685, de 20 de julho de 1993, Medida Provisória nº. 2.228-1, de 06 de setembro de 2001, Decreto nº. 4.456, de 04 de novembro de 2002, e considerando o inciso II do art. 31 da Resolução de Diretoria Colegiada nº 59 da ANCINE, decide:

      Art. 2º Aprovar os projetos audiovisuais relacionados abaixo, para os quais as proponentes ficam autorizadas a captar recursos nos termos do art. 1º-A da Lei nº. 8.685, de 20/07/1993.

      14-0539 – Tempos de Jean Wyllys
      Processo: 01580.078149/2014-97
      Proponente: Lente Viva Filmes Ltda. – EPP
      Cidade/UF: São Paulo / SP
      CNPJ: 05.572.253/0001-53
      Valor total aprovado: R$ 842.648,00
      Valor aprovado no artigo 1º-A da Lei nº. 8.685/93: R$ 800.515,60
      Banco: 001- agência: 4078-9 conta corrente: 22.188-0
      Prazo de captação: até 31/12/2016.

      Responder
    • Rogério

      Me desculpe, justificar que dinheiro pago de empresários e desviado por essa lei corrupta e indecente para beneficiar pessoalmente vagabundos comunistas, que isso não é dinheiro público, por favor, isso é o mesmo que assinar uma declaração de total desconhecimento e ingenuidade, senão ser simpático à mesma corrupção e todo esse sistema sujo. O que são os impostos, senão dinheiro público, ora bolas!!!!??? Isso é parte do mesmo dinheiro usurpado que falta para outros recursos, como escolas, saúde, segurança, etc. Entenda que, esses beneficiados, malandrões vagabundos dessa tal lei Rouanet, são receptadores de um dinheiro roubado dos cofres públicos por um governo desonesto e corrupto

      Responder
    • Leonardo

      “Não é dinheiro público propriamente dito, mas dinheiro que empresas pagariam de imposto…”

      E os impostos que o governo recebe são o que? Dinheiro privado?
      Não sai direto do cofre, mas deixa de entrar. Dá mais ou menos na mesma né?

      Responder
    • Luiz andrade sntos

      Quem faz um comentário desse, é capaz de confundir penumbra com membrana, crocodilo com poliglota, acerola com mussarela, dentre outros,,,,, me poupem….

      Responder
    • Selmir Fagundes da Rosa

      Como não é dinheiro público, se é dinheiro de impostos, importa sim se a empresa pagaria, é imposto e deveria ser revertido para ações que realmente caracterizem cultura.

      Responder
    • Nuno Figueiredo

      IMPOSTOS QUE PODERIAM SER USADOS NA SAÚDE E NÃO NESSE LIXO COMUNISTA.
      PRA QUÊ POR MAIS UM IMPOSTO, A CPMF? ACABA LOGO COM ESSA PORCXARIA DE LEI ROUANET QUE SÓ BENEFICIA OS COMUNAS E SEUS AMIGINHOS DE ALCOVA E USA DE FORMA ÚTIL. JEAN WILLIS NÃO TEM ABSOLUTAMENTE NA DE CULTURALMENTE INTERESSANTE.

      Responder
    • Kaiser Eliezer de Sá

      Vá estudar seu petista, ou melhor trabalhar, IR é um dinheiro público pago por quem trabalha neste país, que país mesmo que VC vive?

      Responder
    • Nilson

      O problema está na avaliação e aprovação da tal proposta cultural.
      Quais são os critérios adotados?
      Como a vida desse sujeito poderia ser reconhecida pelo Ministério da Cultura como uma proposta cultural?
      Como todos sabemos, entra em jogo sempre aquele “jeitinho brasileiro”. E esse tal jeitinho vem afundando o Brasil há muito tempo.

      Responder
    • Vitor Gonçalves

      Exatamente, desvia porcentagem de 4 ou 6%, que poderia ser gasto na saúde ou na educação, em época de “crise” onde estão tirando investimento de tudo que é essência para um país desenvolver, usar em um documentário desse tipo… E vamos ser sinceros, inserir cultura em um país com educação precária como o Brasil, é a mesma coisa que ensina raiz quadrada ao jardim de infância.

      Responder
  12. Kaiser Eliezer de Sá

    O governo filho da puta, cadê o povo brasileiro para cobrar das Autoriades policiais, a prisão deste governo, todo dia sai reportagem de corrupção, citando o ladrão filho da puta Inácio Lula da Silva e ele continua posando de mandão. E a vaga da Marionete da Dilma Burra Rulseff afunda esse país cada dia mais.

    Responder
    • Luiz Rodrigues

      Querer exigir mudanças do seu governo sem nem ao menos mudar a você mesmo. Ele não é uma donzela, e eu muito menos o seu defensor. É um deputado.

      Responder
  13. oTrovador

    Caralho, quem é esse maluco, FODA-SE ta ligado!!!!!
    esses caras estão cagando na nossa cara e rindo
    e tem gente que defende isso………………………

    Responder
  14. Antonio Natal

    O governo vai jogar mais dinheiro fora.
    Fazer um documentário de um bosta que não fez e não fará nada pelo Brasil só mama.

    A saúde agradece esse dinheiro
    A santa casa é uma delas.

    Abre teu olho governo

    Responder
  15. Libero

    É porque o cara é “de origem pobre”, sofreu “preconceito”, e outros mimimis aí? Então, um documentário sobre o Tiririca seria mais útil, ou menos nocivo, para a nação.
    Pelo menos o nobre humorista deputado,ao contrário do BBB, não quer f*der o país com idéias de jerico totalitárias (que as antas e pilantras chamam de “progressistas”).

    Responder
  16. Esme

    O governo já não sabe oq faz de bom pro país. Mas fode eles sabe mt.. Esse Jean aí vem de realiti show..Não sabe nada…E um jé ruela…ele tem é q devolve o dinheiro dos impostos q ele gastar com essas porcarias aí q não servem pra nada. . Nos não q documentários.. Queremos solução pra uma saúde melhor educação. Creches q várias mães sempre reclama.. Policiamento q falta..E diminuir os roubos e impostos… Bando de inúteis…

    Responder
  17. João Pereira

    Vai mostrar a vida dele dentro do BBB, da vida amorosa, dos preconceitos e a passagem dele na politica que por sinal está sendo insignificante, pois, até hoje o que esse palhaço fez foi FUDER com o Brasil e com o povo…… Cabra safado que não respeita a família, seja em todos os Gêneros até dos homossexuais, pois, não pode existir cartilha ou regra pra isso ou aquilo. Sem falar que em entrevista falou que o politico brasileiro “não ganha muito”, pois ele, quando todos os descontos, recebe o mesmo salário que recebia como professor (R$ 15.000,00). Quantos professores no Brasil recebe isso? Logico que defende homossexual pq da mais voto que projetos de lei pra professores e educação.

    Responder
  18. Graciana

    Não tem coisa melhor para investimento, espero sinceramente que seja revisto esse gasto e aplique o dinheiro de uma forma mais produtiva e coerente

    Responder
  19. Carlinhos melo

    Um ruma desse não sabe o que estamos passando não ? Que tipo de pais é esse. Com esse dinheiro daria para reformar ou construir escolas ou hospitais. Aí vem um documentário de um deputado que tudo pra ele é preconceito, queria que ele se lembrasse das pessoas que estão passando fome. E não fazer um documentario de quando ele deu o cu pela primeira vez. O povo brasileiro deve ter cara de otário msm.

    Responder
    • Terencio

      Mitooo. “Fazer um documentario de quando ele deu o cu pela primeira vez” kkkkkkk cara esse foi a melhor forma de expressar a indignaçao. Quem quer saber da vida desse lixo.

      Responder
  20. Sílvio S. Silva

    É por isso que digo e repito. Quem deveria estar pagando todas essas falcatruas desse governo. Serias todos os alienados que votaram nos PTralhas. Essa Bixa não acrescentará em nada ao Povo Brasileiro. É um mau exemplo para todos os nossos filho(a)s. Além de ser um cara que age contra a Família de Bem e que não tem o mínimo de respeito para com as religiões. Isso é uma afronta ao Povo Brasileiro que anda pagando a conta desse governo dia-a-dia sem ter retorno algum. As Escolas dos nossos filhos estão sucateadas, Hospitais sem médicos e sem remédios, Segurança pública não existe. Tudo estagnado. E, Vem uma notícia dessa. !!!! #JeanWyllysvaipraputaqueopariu.

    Responder
  21. Luciana

    Onde está o tão nobre deputado que nem dá as caras para dizer que não é necessário e pedir que invistam o dinheiro na educação ou saúde? Pq ele não faz um protesto para dizer que há investimentos prio rotário que necessitam mais desse valor? #egoinflado

    Responder
  22. Suzana Oliveira

    Não consigo acreditar nisso!!!! Que bom que não fosse verdade! No que isto irá acrescentar em nossa vida??? Aliás, para mim irá acrescentar ainda mais um motivo para eu detestar ainda mais este cara!!!!

    Responder
  23. ana lucia

    Isso só pode ser brincadeira! O povo tá vendendo o almoço pra comer a janta. Aumentou conta de luz, combustível, IPVA, tá tudo pela hora da morte, querem cobrar de novo a CPMF. Ninguém quer saber de documentário, quer saber do fim do PT e da saída da Presidente atual que está enterrando o Brasil em dívidas! CHEGA!

    Responder
  24. Zilma Batista Dantas

    “Saúde pra que? Educação pra quê? Alimentação decente pra quem? Quem somos nós?
    O que merecemos de fato? Para o nosso Governo basta feijão com arroz e uma banana. O resto é pra pagar imposto. Portanto isso é repugnante. Fica aqui o meu protesto.

    Responder
  25. Wagner Magalhāes

    Realmente é um absurdo estando o nosso país passando por uma situação que revolta qualquer brasileiro, o Ministério da Cultura liberar verba para produção de documentário sobre atividades políticas. É lamentável …

    Responder
    • Luiz Rodrigues

      Isso ai, ta serto! Vai curintia! Agora, se eu chamar pressupor que você é ladrão, baderneiro e outras coisas por sua escolha de time não vai ficar ofendido ne? Por favor não fique! Sabe, de preconceituosos pra preconceituoso que mal tem?

      Responder
      • Everaldo

        Um exemplo clássico de uma pessoa que não entende a palavra preconceito ou que vai na onda de uns metidos a intelectuais os quais julgam uma opinião como preconceito. O senhor Jean Wyllys está todo dia dizendo que é Gay. A palavra viado não é a mais adequada, mas é só uma indignação e opinião do “vai curintia” para dizer que prefere um filme com Kid bengala e uma mulher. Agora, a partir do momento, que o excelentíssimo Luiz Rodriguez diz que se sente no direito de chamar o outro de ladrão ou baderneiro, pela sua opção de torcer pelo corinthians, temos um caso clássico de preconceito. Melhor um documentário para evitar essas mudanças de significados das palavras.

        Responder
  26. Bruno

    O governo tem reduzido tantos “gastos” com coisas que realmente são importantes para a população, como na área da saúde, educação, e outros, mas para fazer um documentário que é uma coisa inútil, ainda mais se tratando de um ex-bbb eles não cortam um centavo. O povo é quem está pagando a conta da má gestão e a corrupção de nossos desgovernantes com tanto aumento de impostos, conta de luz, gasolina, etc. E ainda quer voltar com a CPMF. Tem que tirar essa corja do poder de qualquer jeito, isso não pode ficar assim. Por isso o Brasil anda igual carangueijo.

    Responder
  27. Fb

    O primeiro comentário deveria ser removido. Que diabos é Jean Willys? Quem se importa com a vida dele. Pior do que a maioria dos brasileiros que lutam para sobreviver tenho certeza que não foi. O Brasil realmente quebrou em todos os aspectos.

    Responder
  28. JOAO AIRES

    Vocês queriam o quê???? 54 milhões de pessoas votaram no PT e nos partidos nanicos representado por esse individuo que afronta o pais com suas leis idiotas e o que é pior afronta a familia brasileira, o Brasil tem os politicos que merecem.

    Responder
  29. juci

    Um absurdo. Aliás, onde está a polícia e o exército que não estão apoiando a população?
    TODO MUNDO esta querendo ver esses políticos bandidos presos e ninguém faz nada!!!

    Responder
  30. J Júnior

    A lei é igual pra todos. O Ministério da Cultura libera e você faz a captação de recursos. Tenho um programa na TV local de Uberlândia, e o MC liberou mais de 2 milhões para o meu programa. Porém não conheço uma empresa que possa patrocinar o projeto. É melhor conhecer a lei antes de postar aqui suas opiniões. Uma coisa é a lei, outra é a ética.

    Responder
  31. Gil cin

    Lamentável,eu fico aqui pensando,tudo que está acontecendo em nosso país e um cara que é pra nos representar, fica brincando de ser deputado,defendendo coisas absurdas e mais essa pedindo dinheiro pra fazer filme! Pare o Brasil que eu quero descer!

    Responder
  32. XAVIER

    TANTA GENTE PRECISANDO DE ATENDIMENTO MÉDICO, HOSPITAIS,AMBULÂNCIAS, ESCOLAS, REMÉDIOS, SOLUÇÕES PARA SECA, SEGURANÇA, INVESTIMENTOS PARA EMPREGOS, TRANSPORTES E MUITAS COISAS PARA ATENDER AS NECESSIDADES DO POVO E VEM ESSE GOVERNO MEDÍOCRE LIBERAR VERBAS PARA UMA COISA SUPÉRFLUA, POIS FALAR DE UMA PESSOA QUE NADA FEZ E NUNCA FARÁ E SURGIU DE UM PROGRAMA DE BACANAL, AGORA QUER CONTAR A VIDA DELE, E QUEM FOI QUE DISSE QUE O POVO BRASILEIRO QUER SABER QUANDO ELE COMEÇOU A QUEIMAR A RUELA, E QUEIMA EM BRASILIA EM BACANAIS COM MUITOS PETISTAS? POVO BRASILEIRO VAMOS A LUTA VAMOS BOTAR ESSES PARASITAS QUE ESTÃO MATANDO NOSSO POVO NEM QUE SEJA COM DERRAMAMENTO DE SANGUE PODRE DELES!

    Responder
  33. Ten Bittencourt

    Lamentável uma liberação de verbas desse porte, pra documentar a vida de uma pessoa sem significância social, uma pessoa q já ganha dos cofres públicos (de mim e de VC), uma fortuna sem dar retorno pra maioria dos brasileiros, pois ele é político de minoria, uma pessoa q é nosso funcionário mas carrega no peito os ares de patrão do povo, como todo político desse nipe. Eu fiz um álbum de fotos pra documentar minha família e paguei uma fortuna pq essa pessoa ganha verba pra isso?

    Responder
  34. Cidadão Kane

    Essa tal “Lente Viva” deve adorar o ex-bbb.Consegue a autorização para captar quase R$ 850 mil e depois faz um financiamento coletivo no Catarse, para um decumentário sobre o ex-bbb, mas pedindo R$ 120 mil.

    https://www.catarse.me/pt/eujean?ref=explore#about

    De quase 850 K (dinheiro público) para 120 K de “vaquinha”?E com o dólar a quatro (na época da notícia, o dólar estava dois e tanto)?

    PS:A tal “Lente Viva” apoiou um financeiramente um doc. que pede Lei de Mídia no Brasil, como a página da empresa no Catarse pode confirmar.

    https://www.catarse.me/pt/users/137970-lente-viva-filmes#contributed

    Responder
  35. Rafael

    PQP ….ta de sacanagem ….de boa melhor entregar aos indios !!!! Tinha que ter uns10 homens bombas aqui igual na Asia….matava logo uns 100 politicos…nunca mais ia haver corrupção.

    Povo do Brasil além de burro e ignorante, és muito pacifico. Claro tens suas exceções.

    Responder
  36. Reginaldo

    Não vejo a hora que me formar meter o pé do BrasilComo pode investir um dinheiro na verdade no investimento é jogar dinheiro fora contar a vida de quem? o que vão falar dele?ex BBB que virou ativista da causa gay e que com isso conseguiu se eleger deputado?É isso mesmo? Como pode gastar tanto dinheiro e com tantas pessoas na fila esperando atendimento. Como pode gastar tanto dinheiro e o Brasil como a crise e recessão como estamos.a falta de humanidade da parte de sujeito falta de vergonha! na primeira oportunidade que tiver vou sair do Brasil não adianta ficar em um lugar em que não gostam do seu povo mas aqui o seu povo e pra quê Qual o retorno que nós temos pagamos nossos impostos e não temos nenhum retorno Parabéns de mesmo dinheiro pra ele fazer o tal documentário da vida de ninguém E continuo sendo ninguém e para mim não representa ninguém!

    Responder
  37. Kel

    Muito triste a situaçao do Brasil.. isso ai é só o reflexo do que é importante pras autoridades.. que infelizmente a maioria e nao sei quem.sao eles por que sumiram elegeram.

    Responder
  38. junio

    Um aborto do Big Bosta Brasil ter quase um milhão de reais pra falar da sua vida…q vida? Eleito por quociente eleitoral, foi de carona pro congresso, se faz de vítima p ter apoio de ativistas. Um zero à esquerda até na câmara!

    Responder
  39. Van

    A autorização é pra captar verba para a realização do documentário. Se vão conseguir, é outra história. E tem projetos beeeem piores que conseguem milhões. É F. O problema é da Lei Rouanet. Mas não é o governo que dá, são as empresas em troca de abatimento fiscal.

    Responder
  40. ARTHUR TIAGO

    SE TIVESSE TÃO GRANDES INTERESSES E SIDO DIGNO DE APRECIAÇÃO, TERIA RECONSIDERADO DIANTE A SEU NOBRE CARÁTER A OPORTUNIDADE EM APRESENTAR-SE COMO VOLUNTÁRIO… ENTRETANTO É CLARO QUE SERIA OBVIAMENTE CONTRÁRIO , UMA VEZ QUE ESTEJA FAVORECENDO OS PATROCINADORES QUE PROPORCIONARAM SUA EVOLUÇÃO OU PODERIA EXPLICAR-NOS UM COMPROMISSO INVERSO DO QUE DEFENDA.

    Responder
  41. Alexandre Rodrigues

    Sinceramente me admiro que certas pessoas ainda tem a cara de Pau de defender e apóiar um absurdo desses, o país vive à maior crise econômica da história com à falta de emprego, saúde, educação, segurança entre outras questões, aí vens me dizer que estão liberando quase 1 milhão pra fazer um documentário de uma pessoa que não acrescentou absolutamente nada na nossa política pelo contrário os projetos de lei que ele apresentou são completamente sem noção….É nessas horas que vejo o quanto os valores estão invertidos.

    Responder
  42. Gabriela Galastri

    Palhaçada….. o circo ta pegando fogo….. terra sem lei…. sem critérios… sem princípios…. sem ética… sem moral….. gente estúpida manipulando o nosso dinheiro…. sujando nossa honra….. ignorando nossos direitos….. VERGONHA e REVOLTA.

    Responder
  43. Antonio Cabral (OBlogdePianco)

    É lamentável. Aq em nossa cidade, uma pequena cidadela no sertão paraibano, chamada de Piancó, o povo sofre com a seca e a falta dágua nas torneiras. Não tem dinheiro pra executar uma obra de instalação de uma Adutora pra levar água para os moradores q sofre com esse problema. Ai vem a ANCINE e despeja esse montante em cima de um documentário que, em nada vai servir para o povo brasileiro. Lamentável mesmo… Tá na hr de mudar o rumo desse País, começando por algumas gestões municipais o ano q vem.

    Responder
  44. VANIA RE

    Isso é uma palhaçada! Vergonha Nacional! Tem personalidades muito mais relevantes que fizeram algo pelo país, que nem ao menos são lembradas. O que esse personagem fez por nossa nação?? Ninguém quer ver mais uma estória dentre as milhares já sabidas e repetidas. Nosso dinheiro não é capim! Tem causas nobres a serem vistas e atendidas com urgência! Cadê hospitais decentes, cadê uma educação digna? Cadê a segurança para o nosso povo!

    Responder
  45. Luana

    Bom vamos lá.
    Gente esse projeto foi aprovado pela lei Rouanet alguém aqui sabe o que significa? Não né? Bom a lei é um projeto que existe desde 1991 pra investir em projetos culturais. Como funciona? QUALQUER pessoa seja jurídica ou física pode fazer uma doação pra esse projeto e ter um percentual do seu imposto de renda abatido. São 4% de abatimento pra empresa e 6% pra pessoa física ( que não é empresa). A verba destinada a esses projetos nada tem a ver com o dinheiro pra remédios, escolas … E até agora ninguém sabe de fato sobre o que vai falar esse documentário só vejo xingamentos desnecessários. Vamos nos informar galera!

    Responder
  46. Leandro barros

    Alguém pode nos dizer o que alguém da laia desse cara tem para ensinar ? Quem sabe de como entrar em um reality show que inclusive é outra vergonha nacional, se ele fosse esse cara ao qual muita gente defende dizendo: “ele é gente como agente, de origem humilde que venceu na vida, que luta por nós ” se ele fosse honesto ou pelo menos normal teria consciência o suficiente para bloquear essa porcaria de documentario e devolver mais esse desvio de dinheiro a população que está cansada de tantos devaneios desse governo maldito que está acabando com o pouco orgulho e patriotismo dos brasileiros…. o Brasil de hoje é um país que nos enoja.

    Responder
  47. Sônia Borges Guidi

    Ser deputado é para ser uma questão de cidadania. Não profissão político e se auto promover. Ridículo. Eu pagar prara isso, auto promocao de deputado. O povo brasileiro é burro até entender que essa corja de políticos nos devem reverência. O patrão somos nos.O Brasil podia ter sido colonizado por qualquer outro país da Europa mas tinha que herdar a burrice portuguesa o que é pior além de Burros. Os que vieram pra CA foram assassinos, ladrões ,vforagidos e padres excomungados. Grande herança colonial. Hoje está aí… O que se vê de governantes incompetentes e despreparados.

    Responder
  48. William

    O que ele faz? Faz mais do que a maioria dos 513 deputados que sugam o estado… Um grande exemplo de ser humano, que não desistiu dos seus objetivos mesmo sendo de origem pobre e sendo vítima de tantos preconceitos. Um verdadeiro brasileiro, que trabalha duro, e luta por um país melhor.

    Responder
    • Realista

      Em que planeta vc vive Wilian?
      Ou vc foi pago pra escrever essa besteira, ou então vc tem sérios problemas psicológicos…
      E não me venha com essa de homofobia hem!
      “Brasil, um paíz de Tolos”

      Responder
    • JOEL

      O Sr só pode estar de brincadeira não é? Esse imbecil aí diz que uma pessoa de 13 anos ja pode escolher a sua opção sexual e se necessário mudar de banheiro na escola. Mas também diz que uma “criança” de 16 anos não tem capacidade de julgamento de seus atos criminosos.

      Responder
    • jose maria de jesus

      em que mundo vc vive?ta louco?documentario para um cara que o maximo que conseguiu ser é ser um ex -bbb?vc deve ser um daqueles alienados que votaram na dilma e sempre vota no pt

      Responder
    • PAMST

      Que forma de mostrar o que ele realmente quer de melhor pra sociedade…é apenas mais um sugando o que é de uso de uma nação…onde todos pagam impostos e recebem em troco um documentário sobre as fraquesas de um ser humano qualquer…é isso!! vai usar o SUS pra vc ver o que é bom pra tosse…

      Responder
      • Luiz Rodrigues

        ta querendo destruir a família brasileira mesmo! Temos que seguir conforme sempre foi a tradição. Homem com mulher, mulher não pode votar e nem ao menos trabalhar, e negros então?
        Reveja sobre seus conceitos sobre a familia brasileira cara, as mudanças sempre existiram e não vai ser por voce que vão deixar de existir.

        Responder
    • willians

      Só pode ser sacanagem da sua parte!!! Esse cara que acha que um jovem pode decidir se quer mudar de sexo mas não pode ir preso pelos seus crimes. O que esse cara está fazendo pra melhorar o país????

      Responder
    • Hudson

      Lamentável é seu comentário meu caro. Esse maluco só fala besteira e se contradiz o tempo todo. Paga de intelectual e não tem humildade, leva tudo para o lado do preconceito quando na verdade ele também é preconceituoso. E se faz mais que a maioria dos deputados, então infelizmente ele não sabe se vender sem ser por essas maneiras esdrúxulas de escadalozinhos. Infelizmente é assim que esse político de classe baixa ( entenda o trocadilho ) se populariza, não por suas façanhas de melhoria, mas por seus comportamentos e discursos sem cabimento.

      Responder
    • Denis Rocha

      Blz…ele “trabalha” mais do os demais deputados…mas e daí?!?! Cada deputado ganha salário e mordomias, fazendo alguma coisa ou não. Pq ele seria merecedor de verba pública para um documentário sobre a vida dele?!?! Fala sério né…comentário infeliz esse aí… Pqp

      Responder
    • Vic Sage

      Grande trabalho duro, participando do BBB e aproveitando tanto o prêmio, que ganhou na base do choro, quando viu que ia perder e revelou que era gay pra chamar mais atenção, logo depois pegando a grande mamata de ser eleito pelo PSOL, usando a rabeta do Chico Alencar xDD

      Responder
    • walter casagrande

      O que ele faz? precisa responder? ele faz isso… Quase um milhão de reais pra isso, simplesmente vergonhoso… exemplo é todo pai de família que sai bem cedo para trabalhar, muitas vezes só com um copo de café na barriga, sem creches para deixar seus filhos e filhas, batalhar 8, 10 12 horas por dia, até os seus 75 anos…. não me venha com exemplos chulos e patéticos como este… Brasil, um pais de poucos!

      Responder
    • clodoaldo

      Vc deve dar a bunda que nem ele pra expressar uma asneira dessa ! Os governantes tem que governar pra maioria, e vcs sao minoria, e por sinal irrelevante toda opinião contrária a esse povinho a toa de lgbt é considerada homofobia, vcs merecem respeito por suas atitudes meu amigo, e não pq dão a bunda !

      Responder
    • walter casagrande

      A matemática disso é muito simples: algum PilanTra travestido de deputado, cria uma lei de merda com essa, para simplesmente saquear o povo brasileiro dentro da lei, porque a teta da PeTrobrás já secou, agora a única forma de roubar, digo, continuar roubando é dessa forma… esse cidadão está simplesmente fazendo caixa para próxima eleição, cabe a nós não nos omitirmos e dar a resposta nas urnas, mas se bem que se for URNA ELETRONICA NÃO TEM JEITO, ROUBA SEU VOTO DA MESMA FORMA… quem entende sabe disso!

      Responder
      • Eduardo Henrique de Lima

        Eu não acredito que acabei de ler esse comentário seu, Sr. William! É sério isso que você postou? Você realmente conhece esse Deputado Jean Wyllys, para dizer uma asneira dessas? Um Deputado que abusa do poder, defende bandido é pau mandado do PT! Um cara que sempre está em contradição… Não eu não acredito que o Sr, William postou isso com convicção e total inteligência!

        Responder
    • Claudio

      Então porque você e os demais eleitores dele paguem pelo documentário.
      Eu não aceito meus impostos serem usados para pagar um documentario sobre o ex-BBB
      Que quer entre outros coisas:

      Oficializar a prostituição
      Liberar as drogas
      Liberar o adultério
      Lixo, lixo, lixo

      Responder
    • Lucas

      O Brasil está cheio de brasileiros de verdade… Devemos utilizar R$ 800.000,00 para fazer um documentário sobre cada um deles? A questão não é ele ser ou não ser uma pessoa boa, e sim gastar essa quantia de dinheiro (quase 1 milhão), com um documentário, nessa situação econômica em que o nosso país se encontra…

      Responder
    • Valdes

      o governo vai doar o nosso donheiro p fazer ducomentario p esse verme ? q não agrega nada no país? pelo contrario só defende vagabundo, até q ponto chega esse governo do PT !!! não vamos tolerar isso, chega de palhaçada, chega desses vagabundos no poder… corta dinheiro da saúde, educação, ação social, aumenta imposto p isso? vai de f… cambada de ladrões sem vergonha…

      Responder
    • Josh

      Cala a boca Willian, vc é tão sem noção quanto o citado deputado de merda. Diga o que ele fez pelo povo brasileiro??? Diga apenas uma coisa boa se é que tem…

      Responder
    • Angelo

      Que ele banque a próprio documentário, seria mais digno dele antes de usar dinheiro do povo para mostrar a história dele. O maior índice de desemprego, corrupção, pessoas morrendo em hospitais por falta de recursos e vai gastar quase 1 milhão com um documentário? Junta se milhão em milhão desviados dos cofres públicos que e de tanto o povo brasileiro pagar para ter uma vida digna e não tem. Eu penso que se ele e um ser humano de exemplo não deveria aceitar isso mediante tanta cousa que esta acontecenfo com o povo brasileiro e bancar o próprio documentário,.

      Responder
    • Vanderlei

      Pois é,ele está “lutando” pelo seu direito de ficar muito louco fumando maconha,sabia?Esse verme está com projeto de liberação dessa merda!Exemplo,só se for pra você!Um lixo!!

      Responder
    • Roberson

      O que ele fez por um Brasil melhor? Cite.
      Por acaso ser contra a maioridade penal?
      Por acaso ser a favor da legalização das drogas?
      Por acaso a apologia a mudança de sexo de crianças?
      Você deve ter comido estrume e dormido com a cabeça no sol achar que esse imbecil fez algo de bom.
      Ressalvo, não tenho nada contra a opção sexual desse infeliz.

      Responder
    • joivile Machado da Silva

      William tu deves ser da turminha dele para estar defendendo estes cara, me diga o que ele fez até hoje a não ser aparecer, rodar a baiana, por favor me poupe dos seus comentários, idiotas

      Responder
    • Edenir de Fatima Rodrigues

      Que raiva que eu sinto quando leio essas notícias descabidas mas fico com mais raiva ainda por existir um Ministério da cultura com essa merda de Monstro Tal de Jucá que só destina dinheiro para essas merdas quem quer saber quem é essa sujeito que nada fez pelo país ou por quem quer que seja e com essa mente podre que esse Jean Willys fez ou deixou de fazer nada nos interessa vindo desse merda ser humano escrito repugnante deveria ser extinto esse Maldito Ministério precisamos de dinheiro para a saúde, educação e e naobpra essas merdas!

      Responder
    • junior

      Não sei que país você vive para admirar uma criatura com esse Jean, um cara desses não devia nem ter nascido. Uma besta que só pensa em imoralidade, é contra o conceito de família, deve ter nascido de uma chocadeira, e por ai vai, se fosse falar tudo dava pra escrever um livro.

      Responder
    • João Pereira

      Vai mostrar a vida dele dentro do BBB, da vida amorosa, dos preconceitos e a passagem dele na politica insignificante, pois, até hoje o que esse palhaço fez foi FUDER com o Brasil e com o povo…… Cabra safado que não respeita a família, seja em todos os Gêneros até dos homossexuais, pois, não pode existir cartilha ou regra pra isso ou aquilo. Sem falar que em entrevista falou que o politico brasileiro “não ganha muito”, pois ele quando todos os descontos recebe o mesmo salário que recebia como professor (R$ 15.000,00). Quantos professores no Brasil recebe isso? Logico que defende homossexual pq da mais voto que projetos de lei pra professores…

      Responder
    • Libero

      Fã de BBB mestre em manipulação defende extorsão e desperdício de dinheiro público para promover seu ídolo e sua agenda. Mas se diz contra sugação do Estado… ok.
      Aprendeu bem com o mestre a usar discurso de vítima-herói pra mentir, inverter os fatos e tentar enganar incautos.
      É da ASCOM? Ou seria o próprio?

      Responder
    • marcos

      E AINDA QUEREM QUE EU PAGUE CPMF……….. .PT PARTIDO DOS TRANBIQUEIROS . FALAR DESSE CARA ……….FALA SÉRIO…………. QUE PAÍS É ESTE ………….

      Responder
    • Richard

      Vc deve estar debochando da nossa inteligencia. Eu NUNCA vi tanta besteira junta sair da boca de um ser humano, supostamente, ao mesmo tempo, como desse Jean Wyllys!

      Responder
    • FABIO

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      NA MORAL, SEU CU NÃO TEM INVEJA DA QUANTIDADE DE MERDA QUE SAI DA SUA BOCA NÃO?

      Responder
  49. lourivaldejesus

    Socorro… estou preste a ter um colapso, que absurdo é esse, o pais esta chorando miséria, esta ai querendo arrancar dinheiro de quem tem e de quem não tem com impostos, com aumentos de juros e tantas outras coisas e agora vem com essa, fazer um documentário de um merda desse, um verme contrario a tudo o que é honesto e puro, o governo deve é investir esse dinheiro em moradia, segurança e infra estrutura, isso sim é o que interessa, quem quer saber nada desse bosta.
    Vamos lá Brasil, rumo a uma greve geral.
    Fica aqui minha indignação!

    Responder
  50. Ronaldo Taú

    QUE MERDA DE PAÍS É ESSE, COMO PODEM GASTAR DINHEIRO COM ESTE TIPO DE ATO, É UMA AFRONTA AOS DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS JÁ QUE ESTE TIPO DE INVESTIMENTO NÃO TRAZ NENHUM BENEFÍCIO PARA A COLETIVIDADE. E PERGUNTO A QUEM QUER QUE SEJA.
    GASTEM ESSE DINHEIRO FINANCIANDO OS NOSSOS ATLETAS, QUEM ESTARÃO REPRESENTANDO O NOSSO PAÍS NAS OLIMPÍADAS, COM CRIANÇAS CARENTES, COM SAÚDE, EDUCAÇÃO, NINGUÉM QUER SABER DA VIDA DESSE INDIVIDUO.
    PRECISAMOS NOS JUNTAR E FAZER UMA AÇÃO POPULAR PRA ACABAR COM ESSA\ FARRA DE DESTINAR DINHEIRO PÚBLICO PRA FINANCIAR ESSE TIPO DE CANALHICE.
    FAÇA-ME UM FAVOR VAI PRA PQP,,,…..

    Responder
  51. Letícia Ferreira G F Borges

    #Contradocumentariojeanwyllys. Se não tem dinheiro pra investir em educação, saude e emprego e ta cortando sem parar da população. Tambem nao tem pra investir em um documentário que não acrescenta em nada pro país. #Chegaderoubo #chegadepoliticasuja. #Forajeanwyllys.

    Responder
    • Angelo

      Hospitais eles já tem, o melhor do Brasil e quem custia para eles terem saúde de qualidade somos nós o povo brasileiro. Esses governantes não tem humanidade em si, só pensa neles mesmos e não no povo brasileiro. A saúde deles em primeiro lugar a do povo lá em última, pq antes vem as dos filhos deles, dos parentes até dos amigos próximos. Pra que se preocupar com hospital se eles já tem. Nojo da política brasileira. Cade algum partido com humanidade no coração para entrar lá e acabar com isso.

      Responder
  52. ricardo

    estes políticos sabem bem gastar o dinheiro do povo em merda quem quer saber dum merda deste. só na cabeça deste mal acabado.Melhor escreve historia ou biografia da vida da comida que comemos no final vira??????????? . brasileiros são trouxa aceita tudo mesmo fazer oque vamos pagar

    Responder
  53. Emiliano Joaquim de Sousa

    O povo sem emprego, sem educação, sem saúde e sem segurança e o seu dinheiro indo para mão de um zé ruela dessa que não faz nada pelo bem do seu povo. Acorda Brasil?

    Responder
  54. ers

    que bosta de pais como esse merda foi parar nesse governo lixo escroto
    Em quando o povo só ficar igual mulas só olhando essas bostas destruir o pais vai continuar desse jeito o brasil só continua desse jeito por não tem uma população que não corre atras de seus ideais
    e se contenta com a a miséria enquanto os políticos fazem e roubam o que quer.
    vergonha dessa administração lixo desse brasil

    Responder
  55. Fernando de Oliveira

    Isso é um absurdo! o que esse camarada acrescenta à história do Brasil. Ele não
    representa nada. Participou de um programa merdel e ficou famoso. Foi beneficiado
    pelos votos da legenda e elegeu-se deputado. Esse país não tem jeito.

    Responder
  56. aparecido c pinto

    que é este cara, mais um chupa teta do governo,algum do MST, alguém do pt, uma coisa tenho certeza,não nenhum cidadão brasileiro trabalhador precisando……….

    Responder
  57. paulistana

    temos que partir para o boicote o mais rapido possivel! e isso obvio que vai partir de conservadores, nao sei se liberais estarao dispostos a abrir mao de muitas coisas.
    nao adianta só reclamarmos, temos que agir!!

    Responder
      • das Neves

        Liberais “de raça” estão dispostos a secessão… não estariam a boicote?
        Quer que eu argumente em favor do boicote?
        1. Um boicote ao filme seria um “direito do consumidor”. Pode não haver sentido em não comparecer nas eleições como forma de protesto. Mas para o mercado, o não comparecimento, é um voto de que aquele produto (no caso o filme) não agrada. Não há injustiça nenhuma sendo feita ao empresário.
        2. O filme, quando financiado com dinheiro público, deveria ter acesso livre aos contribuintes, mas não tem. Então é apenas uma forma de usurpar do trabalho alheio e entregar para produtores, cineastas, artistas… sem que isso signifique um benefício social direto, concreto ou até mesmo real. Um liberal deve se opor a este confisco não comparecendo.
        3. Não importa a ideologia dele, enquanto houver apenas um cidadão que se oponha a ela, é injusto que ele pague por confisco pela produção de ideais aos quais despreza. Seria injusto da mesma forma financiarmos um documentário pró-liberalismo ou conservador enquanto houver um estatista/progressista. Simplesmente “dinheiro público” não deve financiar ideologias e partido de forma alguma.
        4. Num livre mercado, as pessoas tem a liberdade de investir ou não seu dinheiro e mão-de-obra no que quiserem e participar dos lucros e dos prejuízos da empreitada. Se eu sou acionista desta produção, não apenas devo entrar sem pagar, como deveria ser convidado para a pré-estreia e dividir a bilheteria. Porém, neste caso, devo pagar mais uma vez pelo que já paguei. E o pior, nem ao menos tive a opção de escolher em que filme meu dinheiro confiscado deveria ser investido. É contra os lucros, é contra a livre associação e empreendimento… então todo liberal deve boicotar.

        5. Não sei se “os conservadores estão dispostos a abrir mão de muitas coisas” mas deveriam baixar o filme (sem fornecer seeds) e assistir. Será nojento, revoltante… mas se vocês conseguissem formar uma crítica com conteúdo realmente relevante, vocês teriam muito mais apoio. A maior parte dos brasileiros são conservadores, mas defendem o estatismo que favorece o argumento da esquerda. Os conservadores criaram a estrutura da qual os progressistas se aproveitam (escolas públicas e currículo padrão, por exemplo). Se vocês embasassem melhor seus argumentos, talvez haveriam menos gente iludida pelos discursos progressistas.

        Responder
        • Cidadão Kane

          Ninguém precisa fazer boicote nenhum.E por um motivo simples:

          NINGUÉM está interessado em assistir documentário sobre o ex-bbb político.
          Se essa coisa for para o cinema, vai ser um fracasso de bilheteria e certamente só será exibida em canais patéticos como TV Brasil e Canal Brasil.

          Responder
  58. carlos alberto

    acho uma pouca vergonha, um ser enespressivel,sem logica, sem fundamento.essa e o nosso pais, que tanto lutamos , brigamos,para ver. ser comandado por caras sem condiçoes de governar a propria vida. lamentavel,vergonhoso.So tenho a lamentar. Povo de Deus , criem vergonha, nao votem em babacas como este ser, e tantos outros, temos que melhorar este pais. Estamos virando uma Venezuela, Cuba, ou aqueles paises que so o poder, dinheiro, luxo. avareza.tem valor?

    Responder
    • Isabelle

      Sr. Carlos Alberto, certamente não são pessoas que mal conseguem se expressar na própria língua que tem condições de dizer o que é melhor para o país.
      Vá estudar, ler bons livros e verás a situação do nosso país com mais clareza.

      Responder
      • Guilherme

        Desculpe senhora Isabelle, percebi que a senhora é de finíssima educação e de com um domínio ímpar perante a língua portuguesa. Minha intenção aqui não é desmentir ou descreditar mérito ao seu depoimento e nem questionar a rua refinada opinião sobre o que contribui ou não para uma real melhora social à nível continental, mas sinceramente, o Tiririca tem feito mais como político do que todos os outros. Quando comparamos friamente isso ao status social de cada um percebemos então que nem burrice e nem ignorância (não saber / ignorar) são propriedades adquiridas por esses níveis de status. No mais a senhora som uma pessoa superiora poderia ajudar os outros a progredirem em vez de julgar a todos com sua divina sabedoria. É isso que os superiores fazem. Deus te abençoe irmã, estamos aqui para aprendermos com os nossos erros e não para julgarmos a instrução escolar do outro. Aliás, a maioria dos políticos e médicos são muito estudados, mas assim como a senhora acabou de fazer, mas todos morrem doentes. 😉 Tenha uma ótima tarde!

        Responder
      • Alex

        Sra. Isabelle, certamente não são pessoas que mal conseguem se expressar na própria língua que tem condições de dizer o que é melhor para o país.
        Vá estudar MUITOOOOO, ler EXCELENTES livros e verás a situação do nosso país com mais clareza. PQP! Quem quer saber da vida dele?

        Responder
  59. Carlos

    Eu ja tinha ouvido falar disso mas sinceramente não acreditei mas agora lembro que fiz um comentário .. Ese documentario tera no maximo 30 segundos, pois a trajetória dele é como da m… do vaso sanitario para a fossa.. simples assim. acabou o documentario

    Responder
  60. Beto Quem

    Um Grito… Quem quer mudança. Todos levantam as mãos… Então vamos mudar… todos saem correndo… é o Brasil mais conhecido por 20 centavos.

    Responder
  61. rony gomes

    Biografia seria essa: um espaçoso, preguiçoso que venceu o bbb ( bando de bosta Brasil) que se apeoveitou e entrou de gaiato na política, um destruidor de familias e conceito moral. Que tal fazer de um cara visionário que trouxe o progresso para o Brasil? Irinel Evangelista (o Barão de Mauá).

    Responder
  62. edilson

    Povo brasileiro,enquanto agente ficar fazendo piadinhas com estes partidos pmdb,pt, dem, e pqp as coisas nao irao mudar, vamos AGIR, passar uma lista pra captar assinaturas, levar pra oab, mandar pro supremo,pro exercito brasileiro, exigindo tirar todos envolvidos nas robalheiras, politicos,JUIZES, empresarios, e forçar nova eleiçao pro ano que vem, sim,e prender urgente lula os filhos e os cupichas dele, ai a coisa muda, esses caras se acham, pra fechar a nota,vi hoje bom dia rn, o ex governador lalau Fernando Freire vai pra cadeia, digo, CASA dele, e mole?

    Responder
  63. Assis

    É com muito pesar que digo que isso é uma afronta a sociedade brasileira, quem é esse cidadão, o que ele fez de bom para o Brasil, temos que pensar nos hospitais, nas escolas, no povo, chega, …….

    Responder
  64. Lerrt

    O povo brasileiro tomou no rabo por 25 anos com o Foro de São Paulo não é agora por 1 milhão de reais ao gaynazista do Jean Wyllys que a coisa vai mudar

    Responder
  65. Marcelo Barreto

    Não tem dinheiro para saúde, segurança, educação e outras prioridades, mas tem para fazer um lixo como esse… bando de ladrões e vigaristas!

    Responder
    • Wanderleia Aparecida

      Falou tudo! Prefeitura de BH ofereceu aos professores 2,8% de reajuste psra jan/16. Sou professora há 14 anos e desde então nunca tem dinheiro psra melhorar meu salário. E a lei federal obriga 13% de reajuste por ano. Este ano, reajuste 0. A crise é só para o trabalhador mas pra eles, não tem crise. Revoltante! !!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *