Comparem o número de entrevistas de Kassab e Haddad após serem derrotados

No post anterior, mostramos como a imprensa tem dado espaço a Fernando Haddad para mantê-lo em destaque e prepará-lo para novas disputas. Mas para que seja possível ter noção do esforço, basta comparar o número de entrevistas dadas por Haddad após perder a eleição a Gilberto Kassab. Embora Kassab não tenha se candidato a uma nova reeleição, José Serra perder para Haddad foi um claro sinal de reprovação à seu mandato. Além disso, se a justificativa para Haddad ter dado tantas entrevistas é debater seu legado, por que não houve tal preocupação com Kassab, que governou a cidade por seis anos e oito meses, enquanto Haddad governou por quatro?

Vejam abaixo então a comparação do número de entrevistas entre Haddad e Kassab após o resultado eleitoral em que foram rejeitados pela população:

FERNANDO HADDAD GILBERTO KASSAB
21/11 – Folha 29/10 – Diário de São Paulo
03/12 – Rádio CBN
12/12 – El País Brasil
15/12 – GloboNews (Programa Diálogos)
17/12 – Carta Capital
22/12 – Folha novamente
25/12 – Folha mais uma vez
28/12 – Nexo Jornal

Deve-se levar em conta ainda que Kassab é um político muito mais poderoso e influente do que Haddad em termos reais: é “dono” de um partido que apóia todos os governantes em troca de cargos, sempre em ministérios ou secretarias importantes, ao contrário de Haddad, que é um poste de Lula.

Revisado por Maíra Pires @mairacpires

 

Loading...

Um comentário para “Comparem o número de entrevistas de Kassab e Haddad após serem derrotados

  1. Pedro Rocha

    Haddad é petista e a mídia está protegendo seu legado esquerdista fazendo o que faz melhor: mentir!

    Enquanto isso, Kassab é apenas um aliado comprado e descartável.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *