Alckmin deve até estar falando palavrões

O governador Geraldo Alckmin foi o maior vencedor no PSDB das eleições municipais e hoje também é majoritário na bancada dos deputados. Portanto, tinha todas as condições políticas de eleger um aliado na presidência do PSDB.

Porém, Aécio Neves e José Serra se uniram e manobraram para prorrogar por 2 anos o mandato da atual executiva nacional.

O ministro José Serra foi tratorado por Alckmin nas prévias paulistanas, agora deu o troco. O senador Aécio Neves, presidente do partido, ganha uma sobrevida interna para disputar a presidência, em 2018, pelo PSDB.

Alckmin deve até estar falando palavrões no Palácio dos Bandeirantes…

Trecho da nota do PSDB sobre a recondução (grifos nossos):

“A decisão foi aprovada por ampla maioria e contou com o voto por escrito do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, presidente de honra do PSDB, e a manifestação expressa de 22 diretórios estaduais. (…) A decisão da Executiva Nacional se estende também aos mandatos dos diretórios estaduais, salvo aqueles que se manifestarem contrários à prorrogação aprovada.”

Executiva Nacional do PSDB durante a decisão

Revisado  por Maíra Pires @mairamadorno

 

 

 

Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *